Buscar
  • Flavio Peres

O Poder da Disciplina

Atualizado: 26 de Set de 2019

Como mudar qualquer coisa na sua vida com um passo de cada vez.


Era um domingo de Julho, o despertador toca, são 5 da manhã. Júlia acorda e ouve o barulho da chuva la fora, a cama está quentinha e ela está com 2 camadas de cobertores sobre o seu corpo, além do pijama flanelado, duas meias e uma luva. Júlia se levanta, lava o rosto, e vai até a sala. O dia ainda não amanheceu e, com a luz apagada, ela começa a sua meditação sentada no sofá. Respirando lentamente e sem pensar em nada - apenas no momento presente - ela vai colocando suas idéias no lugar, parece que sua mente está sendo limpa e se preparando para mais um dia produtivo. 10 minutos depois, Júlia começa o seu ritual de alongamento e aos poucos o seu corpo vai ganhando mais energia e a chuva la fora vai passando. Júlia então resolve colocar no papel 5 atividades que ela gostaria de fazer durante aquele domingo frio de inverno, são coisas simples como caminhar com o cachorro, andar descalça na grama, brincar no parque com seu filho e comer um pão de queijo no café da manhã.

São 8 horas da manhã, o sol entra pela janela e o cheiro do pão de queijo acorda as outras pessoas da casa. Júlia já está acordada há 3 horas, caminhou com o cachorro, fez exercícios, preparou o café da manhã e assistiu o seu programa preferido que passa sempre as 7 da manhã de domingo (aqueles que a maioria das pessoas não assistem). Ela está com energia total para aproveitar o seu dia.

Você deve estar pensando: "essa Júlia só pode ser louca".

A verdade é que a Júlia, assim como muitas outras pessoas, sabe que para conseguir qualquer coisa na vida é preciso muita disciplina e perseverança até que uma rotina que pareça impossível se torne a coisa mais normal do mundo, e a isso é dado o nome de hábito. (Se você quiser se aprofundar mais no assunto, leia o livro: O PODER DO HÁBITO de Charles Duhigg (Autor), Traduzido por Rafael Mantovani)

Já parou pra pensar quantos hábitos nós temos e que repetimos o dia todo, todo dia? agora pense quantos desses hábitos não te levam a lugar nenhum. Por exemplo, você chega em casa depois de um dia difícil e cansativo de trabalho e se senta no sofá, liga a TV num canal qualquer, pega o celular e fica vendo o facebook por horas só pra relaxar? quanto isso de fato agrega para a sua vida? Mas Flavio, você diz isso porque não sabe que horas eu saio do trabalho nem o estresse que eu passo todos os dias. É eu sei, e é por isso que é tão difícil mudar um hábito.

O nosso cérebro simplesmente não foi feito para pensar em algo novo o tempo todo, isso gasta muita energia e o nosso sistema de sobrevivência trabalha para poupar o máximo de energia que ele pode. Isso significa que o nosso cérebro tenta nos colocar no modo automático o tempo todo, criando rotinas que são feitas por você sem que você precise pensar para fazer. Já se tocou que as vezes você faz o trajeto do trabalho para a sua casa sem pensar nele? você vai pensando nos seus problemas do trabalho até que magicamente está em casa e nem se lembra como chegou lá. Pois é, seu cérebro te protege para que você não precise gastar energia com esses detalhes cotidianos, e mudar esses hábitos requer pensar em alternativas e forçar o cérebro a gastar mais energia, por isso é tão difícil.

A notícia que eu tenho para te dar é que você só vai conseguir conquistar aquilo que você deseja para a sua vida, como ser um líder melhor, ou um profissional mais produtivo, ou mesmo uma pessoa melhor se você conseguir criar um novo hábito.Legal, mas como eu faço isso? então vamos lá.

1. Dê um passo de cada vez. Lembre-se que seu cérebro é muito resistente a mudanças e não vai aceitar por muito tempo uma mudança radical. É por isso que as pessoas fazem aquelas resoluções de final de ano (sabe aquele "esse ano eu vou fazer dieta e cuidar da saúde") que só duram duas semanas. Escolha apenas 1 atividade que dure 10 minutos. Comece por ela. Logo você vai querer fazer a mesma atividade por 20 minutos, 30 minutos, 1 hora. Você também vai perceber que vai se sentir motivado a assumir novas atividades. Vá devagar e mantenha a disciplina repetindo essa atividade todo santo dia. (Um livro que eu gosto muito e que ajuda a definir o que eles chamam de "microrresoluções" é Pequenas Atitudes Grandes Mudanças, de Caroline L. Arnold)

2. Não foque no resultado final, mas na ação diária. Uma pessoa quando quer emagrecer 20kgs durante o ano por exemplo, ela fica sonhando com aquela calça 5 números abaixo da que ela usa hoje, e aí depois de 1 semana ralando na academia, comendo pouco e passando vontade, ela sobe na balança e vê que perdeu apenas 100 gramas, ou as vezes até engordou. Resultado: normalmente ela desiste, ou então começa a exagerar na busca pelo resultado, como pular refeições importantes ou passar tempo demais na academia, o que gera lesões, perda de massa muscular e anemia. Quer um outro exemplo? alguém que está investindo na bolsa de valores. Ela faz tudo certinho, analisa os gráficos e cuidadosamente move seu investimento de uma ação para outra, gasta um bom tempo com isso, e no final do mês percebe que perdeu dinheiro. Novamente, ou desiste e diz "esse mercado de ações não é pra mim", ou exagera colocando mais dinheiro ou se arriscando mais (para tentar recuperar o dinheiro perdido), resultado: perde ainda mais. (Quer uma dica matadora sobre Foco? leia o livro A ÚNICA COISA, de Gary Keller e Jay Papasan).

3. Tenha muita disciplina. Vai ter dias que você vai acordar cedo, vai estar frio la fora, o sono vai estar mais forte e vai pensar "será que tudo isso vale a pena?", e quando você quebra essa barreira e mostra para o seu corpo que quem manda é você (o seu cérebro), a mágica acontece. É preciso manter a consistência, isso significa que se você quer ter um hábito diurno como a Júlia, tem que repeti-lo no sábado e no domingo, não existe um "aaah, hoje eu mereço um descanso vai", sabe porque? porque dessa forma você vai estar ensinando o seu cérebro que você odeia acordar cedo durante a semana e que não fazer isso no final de semana é uma forma de descansar (uma recompensa), quando na verdade você tem que ensinar seu cérebro que a atividade te traz muitos benefícios, como poder ver o sol nascer, colocar a cabeça no lugar com a meditação, exercitar-se, assistir um programa que vai te agregar conhecimento, ter o prazer de comer um bom café da manhã com calma, etc. Só assim seu cérebro vai entender o novo hábito. (Sobre disciplina e hábitos diurnos, leia o livro O MILAGRE DA MANHÃ, de Hal Elrod, traduzido por Marcelo Schild).

Por fim, é preciso planejamento. Não adianta dizer "semana que vem vou começar a dieta", "semana que vem eu começo a acordar cedo", sabe o que vai acontecer? vai chegar segunda-feira e você vai pensar "ainda tem a semana toda pela frente", e os dias vão passando até que chega quinta-feira e você pensa "agora já está no finalzinho da semana, semana que vem eu começo". Isso acontece com você? então você precisa colocar no papel tarefa por tarefa, com dia e hora. Por exemplo se você quer fazer parte do clube das 5 da manhã, um exemplo de como ficaria a sua lista de atividades (colocadas no papel com dia e hora):

5:00 - acordar, lavar o rosto e escovar os dentes

5:10 às 5:40 - exercício (ou ao menos um alongamento. Vale também passear com o cachorro)

5:40 - banho (se você já for avançado no assunto, pode tentar o banho de contraste)* 6:00 - meditação

6:10 - café da manhã (bem servido, ok?)

6:25 - lista de tarefas do dia (apenas 5 ítens, desde que sejam factíveis)

6:35 - alguma atividade que você goste (leitura, vídeos, estudo)

? - ir para o trabalho

... e assim por diante. Inclua aqui tarefas noturnas também. O segredo é ter tudo planejado.

Escreva no papel, dessa forma você estará firmando um contrato com você mesmo e vai se sentir mal se não cumprir. É assim que a mágica acontece. 

Nunca se esqueça de comemorar por ter conseguido fazer tudo no primeiro dia, mesmo as coisas mais pequenas. Note como vai se sentir melhor e mais motivado a fazer denovo, e denovo, e denovo até que o hábito se estabelece e vira uma rotina tão fácil como a da Júlia.

Boa sorte!

*Banho de contraste: Trata-se de um banho terapêutico que promove uma alternância entre a dilatação e a constrição dos vasos sanguíneos através do uso intercalado de de água fria com água quente. A água quente dilata os vasos sanguíneos enquanto a água fria estreita os vasos sanguíneos e essa mudança estimula a circulação. Com o aumento da circulação as células do corpo receberão mais oxigênio e nutrientes, auxiliando na remoção de impurezas, aumento do metabolismo da célula e aceleração da cura.

Flavio Peres é mentor, palestrante, consultor e especialista em liderança e desenvolvimento corporativo, certificado no mais alto nível de gestão de projetos e eleito 5 vezes consecutivas Great Leader Award. Liderou transformações digitais com equipes ágeis de alta performance por mais de 15 anos em grandes empresas multinacionais na área de TI, e criou sua própria metodologia de desenvolvimento da liderança chamado Estado da A.R.T.E.

Sua missão é transformar a Liderança no Brasil para que esses Líderes transformem o mundo corporativo em um lugar melhor para todos!





Livros indicados nesse artigo:


Onde adquirir (Link da Amazon.com):

1. O Poder do Habito

2. O Milagre da Manhã

3. Pequenas Atitudes Grandes Mudanças

4. A Única Coisa

71 visualizações

Informações:

Soluções:

E-mail: contato@flavioperes.com.br

Telefone: (19) 99791.8056

Contato:

  • LinkedIn ícone social
  • Facebook Social Icon
  • Instagram

Faça parte do Clube VIP e tenha ACESSO EXCLUSIVO A:

Artigos

Ferramentas de Gestão, Liderança e Produtividade

Descontos em treinamentos

Acesso a Workshops

Muito mais!

Copyrights © 2019 - Flavio Peres, TODOS OS DIREITOS RESERVADOS

|

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now